Offline
DR. AJUDA: Quais os efeitos do café para a nossa saúde?
09/07/2024 15:28 em Notícias Informativas

*PHARMALAB CLINICA: NÓS E VOCE, UMA DUPLA PERFEITA*

 

Não é à toa que escolhemos o café que consumimos logo ao acordar, ele ativa o córtex cerebral facilitando os processos de memória, atenção e aprendizado. Apesar disso, ainda existe grande desconhecimento por parte da população sobre os efeitos do consumo de café na saúde humana. 


O café, depois da água, é a bebida mais consumida no mundo e a principal fonte de ingestão de cafeína em adultos. Seus efeitos biológicos podem ser substâncias que não se limitam à ação da cafeína.


Pesquisas nos últimos anos informaram que o café é uma das principais fontes de antioxidantes na dieta e seu consumo diário pode ser bom para saúde. Do ponto de vista cardiovascular, o consumo de café pode reduzir o risco de diabetes tipo 2 e hipertensão, além de outras condições associadas ao risco cardiovascular como obesidade e depressão. Com relação ao colesterol e triglicerídeos, os efeitos do café podem variar dependendo de como a bebida é preparada, isso porque o café apresenta algumas substâncias que podem elevar o colesterol, entretanto essas mesmas substâncias são, em boa parte, retidas pelo filtro. 


Independentemente disso, uma quantidade crescente de dados sugere que o consumo habitual de cafeína  de duas a três xícaras de café ou é neutro ou reduz uma variedade de desfechos cardiovasculares adversos, incluindo infarto, insuficiência cardíaca e AVC. 


Além disso, grandes estudos epidemiológicos sugerem que os consumidores regulares possuem riscos reduzidos de morte por causas cardiovasculares, principalmente infarto e AVC. Os benefícios também incluem proteção contra doenças neurodegenerativas, como Parkinson e Alzheimer, melhora do controle da asma e menor risco de alguma doença gastrointestinal, como pedras na vesícula e doenças do fígado. Porém, é importante reforçar que a maioria dos dados sobre os efeitos do café na saúde humana, baseia-se em estudos observacionais e faltam estudos mais estruturados para termos mais certeza desses efeitos. 


No entanto, é preciso consumir com cautela, já que seu alto índice de cafeína pode piorar outras condições como ansiedade, insônia dentre outros.


Para mais informações,  assista ao vídeo no canal Doutor Ajuda no youtube. 



Fonte: Brasil 61

COMENTÁRIOS